Rinoplastia: Entenda Como Funciona a Plástica de Nariz



A Rinoplastia é uma cirurgia plástica utilizada para remodelar o nariz, usando a própria cartilagem do paciente como sustentação.

Dentre as possibilidades, é possível aumentar ou diminuir o nariz, projetar a ponta, afinar as asas nasais e até diminuir a giba óssea (osso ou calo).

O procedimento é indicado tanto para as pessoas que se sentem insatisfeitas com o formato natural do nariz, quanto para aquelas que precisam fazer a correção do septo nasal e a turbinectomia, que é a retirada de parte dos cornetos nasais, mais popularmente conhecida como carne esponjosa.

 

Como é feita a Rinoplastia

Para a realização da Rinoplastia, são utilizadas basicamente duas técnicas.

A primeira conhecida como aberta (exorrinoplastias) é feita uma pequena incisão na base do nariz, entre as narinas e, na parte interna de cada narina.

AdSense

A segunda é a técnica fechada (endonasal), onde são feitas incisões apenas dentro das narinas.

Lembrando que na rinoplastia fechada, a técnica é realizada sem a visão do cirurgião.

No entanto, a vantagem deste procedimento é que, além de ser ágil, ela proporciona ao nariz uma consistência mais natural.

 

Indicações para se fazer a Rinoplastia

Apesar de maioria das Rinoplastias serem para a diminuição e remodelamento do nariz, há casos em que são solicitados o aumento nasal.

Este procedimento é realizado com enxerto de cartilagem, implantes de próteses ou preenchimento no local.

Para diminuir o tamanho do nariz, é preciso retirar partes da cartilagem ou fazer a raspagem e o lixamento do osso.

Há casos em que é preciso fazer a fratura do osso nasal, com o intuito de diminuir, o “ossinho” do nariz, e a base alargada.



Para decidir o melhor procedimento, o cirurgião, respeitando o desejo do paciente, avalia a simetria facial e as medidas da face do paciente.

Atualmente é possível se utilizar de softwares em 3D, para ver como ficará o nariz após a cirurgia plástica, mas os especialistas alertam que estas ferramentas, dão apenas uma vaga noção dos resultados.

 

Contraindicações da Rinoplastia

A cirurgia é contraindicada para aqueles pacientes que possuem doenças prévias em fase aguda, mulheres em fase de amamentação e, em pessoas que fazem uso de medicamentos anticoagulantes.

 

Riscos da cirurgia de Rinoplastia

Os maiores riscos cirúrgicos da Rinoplastia são, sangramento abundante e dificuldade respiratória no pós-operatório.

Os riscos de infecção existem como em qualquer outro procedimento cirúrgico, além de infecções relacionadas à anestesia.

 

Pós-operatório da cirurgia no nariz

– O gesso que era antes utilizado, foi atualmente substituído por um plástico enrijecido, que se molda melhor ao nariz, permitindo que este fique imóvel por mais tempo.

– Os curativos precisam ser mantidos por 15 dias, sendo sete dias com o plástico enrijecido e sete a com fita adesiva porosa, além dos tampões internos, que devem permanecer por 24 horas.



– É normal ter dificuldade para respirar nos primeiros sete dias. Neste período recomenda-se uma alimentação mais pastosa e evitar a ingestão de alimentos duros, já que a região estará dolorida e inflamada.

– Após a cirurgia é preciso repouso absoluto de 7 dias e, moderado de 15 dias. Após este período a pessoa já pode voltar às suas atividades rotineiras e ao trabalho.

– Por um período de dois a três meses, é recomendado que a pessoa não faça esforço físico nem exercícios pesados.

– Uma das maiores preocupações desta cirurgia é o medo da dor, que segundo os cirurgiões pode ser resolvido com analgésicos.



– Como são realizadas incisões muito pequenas e em locais de pouca exposição, as cicatrizes ficam praticamente imperceptíveis.

– É recomendado o uso de protetor solar após a realização da rinoplastia, para evitar o surgimento de manchas.

– Após a cirurgia, pode haver sangramento do nariz por até dois dias, principalmente se ela for associada à correção do septo nasal.

 

Finalizando:

Dúvidas sobre seu médico? Veja nosso artigo Analisando seu Cirurgião Plástico.

Clique e saiba informações sobre o pré-operatório de cirurgia plástica.

Clique e saiba informações sobre o pós-operatório de cirurgia plástica.

Ah, e não se esqueça, deixe o seu comentário abaixo.



Tudo Sobre Cirurgia Plástica

Confira o que você precisa saber sobre Mamoplastia, Mastopexia, Abdominoplastia, Lipoaspiração, Lipoescultura e Rinoplastia no Tudo Sobre Cirurgia Plástica

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *