Lipoabdominoplastia: O Sonho da Silhueta Perfeita



Lipoabdominoplastia! Sim, esse palavrão é a melhor opção para retirar o excesso de flacidez com gordura localizada e estrias, resultando em uma barriga mais lisa e tonificada!

É também conhecida como dermolipectomia de abdômen. Vamos aqui tentar esclarecer de forma simples e clara tudo que você precisa saber sobre essa cirurgia.

Antes de mais nada, realiza-se uma Lipoaspiração, que consiste em diminuir a camada de gordura embaixo da pele antes de realizar a Abdominoplastia em si, para que se tenha um melhor resultado com uma cintura mais fina.

Essas duas cirurgias plásticas são complementares, já que a abdominoplastia remove o bloco de gordura infra-umbilical e a lipoaspiração remove a gordura localizada em locais específicos, principalmente na região lateral do quadril e flancos da cintura, melhorando o contorno corporal.

 

Fique atenta

  • O objetivo dessa cirurgia não é o emagrecimento!
  • Não é indicado para tratar obesidade;
  • Os candidatos à Lipoabdominoplastia devem ser saudáveis e relativamente em forma.

É claro que vai haver uma redução no peso por causa da quantidade de pele e gordura retirados, mas não são esses quilinhos a menos que garantirão o abdômen firme e magro.

AdSense

O resultado depende do equilíbrio entre tronco e membros da estrutura de cada um e, claro, quem tem hábitos saudáveis de alimentação e atividade física tendem a ter um resultado melhor, com a silhueta mais enxuta ou ‘chapada’.

 

Como é feito a Lipoabdominoplastia

1. Primeiramente é feita a lipoaspiração sugando as gorduras excedentes em locais específicos;

2. Logo após é realizada uma incisão horizontal próximo aos pelos púbicos, o qual se estende conforme a quantidade de pele existente;

3. Realiza-se o descolamento da pele do abdômen e logo em seguida trata-se a diástase (afastamento) dos músculos reto-abdominais;

4. É feita a tração da pele, retirando o excesso desta, deixando-a esticada;

5. Em seguida é realizado a fixação do umbigo na musculatura e na pele do abdômen; e

6. Finaliza-se com o fechamento da cicatriz e drenagem no local operado.



 

Para quem é indicada a Lipoabdominoplastia?

Em geral é bastante requisitada por mulheres que tiveram múltiplas gestações, pessoas que emagreceram muito ou que, por causas genéticas, possuem acúmulo de gordura na região do umbigo.

 

Quem não pode fazer Lipoabdominoplastia?

Não é recomendada no caso em que sejam previstos gestações futuras ou cenários de ganhos de peso após a cirurgia plástica.

 

Riscos e possíveis complicações da Lipoabdominoplastia

O maior risco de complicação relacionado à Lipoabdominoplastia é uma possível necrose de tecido.

Esse risco é maior para fumantes, pois pode comprometer o resultado final.

Há também outras complicações comuns, como sangramentos, infecções, trombose venosa, riscos que se aplicam a quaisquer cirurgias.

 

Recuperação da Lipoabdominoplastia

O tempo médio de recuperação é de 2 a 4 semanas. Deve-se iniciar a drenagem linfática cerca de 3 dias após a cirurgia.



Nas primeiras 2 semanas é importante manter-se curvado para não forçar a cicatriz.

Dirigir após 4 semanas.

 

Cicatrização da cirurgia de Lipoabdominoplastia

A cicatriz pode variar de acordo com o organismo de cada paciente.



Os cirurgiões buscam deixar a cicatriz menos evidente possível, para que os pacientes posteriormente não se sintam desconfortáveis ao usar roupas de banho e lingeries.

 

Finalizando:

Dúvidas sobre seu médico? Veja nosso artigo Analisando seu Cirurgião Plástico.

Clique e saiba informações sobre o pré-operatório de cirurgia plástica.

Clique e saiba informações sobre o pós-operatório de cirurgia plástica.

Ah, e não se esqueça, deixe o seu comentário abaixo.



Tudo Sobre Cirurgia Plástica

Confira o que você precisa saber sobre Mamoplastia, Mastopexia, Abdominoplastia, Lipoaspiração, Lipoescultura e Rinoplastia no Tudo Sobre Cirurgia Plástica

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *